PRLAB continua a comunicar Sintra Cresce Saudável

Publicado: 10 novembro 2021

No ano letivo passado, um grupo de estudantes do PRLAB assegurou, mais uma vez, a comunicação do projeto Sintra Cresce Saudável.

Pelo terceiro ano letivo consecutivo, um grupo de estudantes do curso de licenciatura em Relações Públicas e Comunicação Empresarial (RPCE), que integra o PRLAB (a atividade extracurricular da Escola na área das Relações Públicas), assegurou a estratégia de comunicação do projeto Sintra Cresce Saudável. A iniciativa da Câmara Municipal de Sintra (CMS), a que a ESCS se juntou em 2019, visa promover comportamentos de alimentação saudável, atividade física e sustentabilidade alimentar e ambiental, junto dos agrupamentos escolares daquele concelho.

Em 2020/21, o trabalho da equipa, constituída por quatro alunas de RPCE, focou-se na divulgação externa do projeto e na reaproximação aos agentes que o integram. Neste sentido, o grupo desenvolveu suportes de comunicação externa (brochura e revista institucional) e interna (newsletters mensais). Para além disso, foram criados instrumentos destinados aos meios de comunicação social: Media Kit e comunicados de imprensa.

Revista institucional “Juntos Crescemos Saudáveis”, dedicada aos parceiros do projeto.

O que dizem as alunas

Ana Sofia Jesus, Beatriz Couto, Catarina Paz e Inês Quadrilheiro fizeram uma retrospetiva do trabalho levado a cabo no ano letivo passado.

Ana Sofia Jesus, que integrou o projeto em 2019, vê a sua passagem pelo PRLAB como “uma mais-valia complementar ao curso”. A estudante considera que “mais do que trabalhar com um cliente real”, este tipo de iniciativas, como é o caso do Sintra Cresce Saudável, representa um “desafio”. “[Temos] de passar de um plano à sua implementação e à mudança de comportamentos, com os recursos existentes”, explica.

Beatriz Couto refere-se ao PRLAB como um “laboratório de aprendizagem contínua”. A aluna, que também se juntou ao Sintra Cresce Saudável há dois anos, faz um balanço positivo do trabalho desenvolvido em 2020/21. “Foi um ano letivo desafiante a todos os níveis, em que o grupo teve de adaptar as mensagens a uma comunicação que transmitisse segurança e reforçasse, ainda mais, a relação com os públicos, mesmo estando todos em casa”, devido à pandemia, refere.

Para Catarina Paz, fazer parte do projeto foi “sinónimo de procurar solucionar desafios, da melhor forma possível, em prol do Sintra Cresce Saudável”. A recém-licenciada acredita que a iniciativa contribuiu para o seu “progresso pessoal e profissional”.

Inês Quadrilheiro considera que integrar o projeto foi “crucial para complementar a licenciatura, especialmente numa realidade em que saber lidar com a adaptação constante é um fator-chave”.

Em cima: Ana Sofia Jesus e Beatriz Couto. Em baixo: Inês Quadrilheiro e Catarina Paz
Imagem gentilmente cedida pela Equipa de Comunicação do Sintra Cresce Saudável.

O projeto

Sintra Cresce Saudável é uma iniciativa promovida pela Câmara Municipal de Sintra e cofinanciado pelas Academias Gulbenkian do Conhecimento. Para além da ESCS, o projeto conta, também, com a parceira de uma outra escola do Politécnico de Lisboa (IPL), a Escola Superior de Tecnologia da Saúde de Lisboa (ESTeSL), e das Faculdades de Motricidade Humana e de Medicina, da Universidade de Lisboa.

TEXTO: gentilmente cedido pela Equipa de Comunicação do Sintra Cresce Saudável e editado pelo Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS).