O Melhor do Século

Publicado: 23/01/2015

O site Ad Age elegeu as 15 melhores campanhas publicitárias do século XXI, e o primeiro lugar tem a assinatura do escsiano Hugo Veiga.

Em 1999, o site Advertising Age (Ad Age) elegeu as 100 melhores campanhas publicitárias do século XX. Agora, 15 anos depois, decidiu fazer o mesmo para o século XXI, em termos proporcionais, e anunciou o top 15 de campanhas publicitárias da última década e meia, no entender de um vasto rol de jurados de renome. Desde o icónico — e já quase da mesma idade que os atuais caloiros da ESCS — "Whassup" gritado nos anúncios da cerveja Budweiser aos duelos PC versus Mac da Apple na campanha "Get a Mac", passando pelo sem-fim de vídeos "The Man Your Man Could Smell Like" com que a Old Spice se tornou recordista do YouTube, praticamente todas as entradas da lista são facilmente reconhecíveis e autênticos case studies, pelos mais variados motivos. No entanto, o lugar cimeiro foi entregue à única campanha que conseguiu angariar a unanimidade do júri: há cerca de 10 anos, a Dove decidiu destruir tabus e fazer a diferença, e pouco tempo depois nasceu a "Campaign for Real Beauty". No âmbito desta campanha criada pela Ogilvy, surgiram em 2013 os "Real Beauty Sketches", ideia amplamente elogiada e premiada, da autoria de Hugo Veiga, licenciado em Publicidade e Marketing pela ESCS.


[Legenda] As campanhas destacadas pelo Ad Age ficaram indelevelmente marcadas no imaginário comum.

Um escsiano de olhos postos no futuro

Copywriter na Ogilvy São Paulo desde 2009, Hugo Veiga diz-se "orgulhoso por saber que existe um pouco de mim nesta distinção", mas atribui o mérito da campanha da Dove à equipa da Ogilvy Londres que a concebeu. "Um posicionamento corajoso, bold, focado em melhorar a auto-estima das suas consumidoras e que dura até hoje", descreve. Confrontado com a provocação de que uma eleição como esta possa ser interpretada como uma visão pessimista sobre o que ainda resta do século XXI, Hugo responde que, nesses cerca de 85 anos vindouros, "teremos ideias muito melhores com certeza. Com a inovação digital e tecnológica, surgem novas plataformas de comunicação que serão terreno virgem para as mentes criativas em todo o mundo. Estamos ainda em 2015. Consegues imaginar o Grand Prix de Titânio de Cannes 2050? Que inovação terá? Qual o seu impacto na vida das pessoas? Espero estar aqui para ver."


[Fotografia] Hugo Veiga na ESCS, aquando de uma palestra sobre criatividade, em 2013.