Ir mais além

Publicado: 24 maio 2019

PERFIL PM: RÚBEN DANIEL BAÍA

Licenciado e mestre em Publicidade e Marketing, Rúben Daniel Baía é, atualmente, CRM & SEO Analyst na Forall Phones, mas prepara-se para abraçar um novo desafio.

Quando estava prestes a terminar o Ensino Secundário, Rúben Daniel Baía não fazia ideia do que queria ser, profissionalmente. Por isso, foi “literalmente ver, de A a Z, os cursos todos que existiam” no Ensino Superior, sendo que o de Publicidade e Marketing despertou o seu interesse. “Vi que, se calhar, podia ter um futuro nessa área [e] a ESCS foi a escolha natural”, conta.

Rúben Daniel Baía é licenciado e mestre em Publicidade e Marketing.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Uma adaptação fácil

Rúben confessa que pensou que as primeiras aulas iriam ser “muito pesadas e que não ia perceber nada”. Mas enganou-se. Quando chegou à Escola, em 2009, constatou que a linguagem utilizada era “super simples” e a relação entre estudantes e docentes “muito próxima”. O escsiano recorda, em particular, as disciplinas lecionadas pelo Prof. João Barros. “São míticas”, diz, divertido.

O escsiano lembra a relação próxima entre estudantes e docentes da Escola.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

No terceiro ano, o antigo estudante enveredou pelo ramo de Marketing e lembra o briefing final da unidade curricular de Ateliê de Marketing Aplicado, que consistia no desenvolvimento de um trabalho para um cliente real. “Não estava à espera que fosse uma coisa tão prática”, confessa. Rúben explica que o projeto, feito para a revista Exame Informática, “permitiu mesmo pensar que estava nos sapatos de uma empresa e ver o que é que estava mal, o que é que estava bem e o que é que poderia ser melhorado”. Da experiência, destaca, ainda o acompanhamento dos docentes Ana Teresa Machado e João Rosário.

Depois da licenciatura, o mestrado

Quando terminou a licenciatura, Rúben decidiu prosseguir os estudos, na mesma área, na ESCS. “No dia em que soube que tinha entrado no mestrado, soube, também, que tinha entrado no AKI”, conta. Por isso, conciliou o curso com o emprego. O jovem considera que o seu trabalho finalConceção de uma aplicação com vista à modernização do programa de fidelização dos Cinemas NOS, foi “o derradeiro desafio” que enfrentou na Escola. “Com o mestrado, consegui aprofundar muito mais certas áreas e, por isso, acho que foi uma mais-valia”, refere.

Rúben considera que o seu trabalho final de mestrado foi “o derradeiro desafio” que enfrentou na Escola.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Percurso profissional

Rúben começou a trabalhar, como freelancer, em 2012, enquanto ainda frequentava o último ano da licenciatura. Durante os estudos, criava os conteúdos online (site e redes sociais) da revista Playboy Portugal, geria as redes sociais do canal MGM Portugal (atual AMC Portugal) e produzia artigos para a revista online Magazine.HD.

O jovem desenvolveu uma série de campanhas para o AKI, que envolveram diversas figuras públicas.
Fotografia gentilmente cedida por Rúben Daniel Baía

No final do curso, houve “um momento mais parado” até ingressar na equipa do AKI, em 2013, onde esteve durante cinco anos. Rúben começou como Digital Marketeer e, com o crescimento da equipa, assumiu, mais tarde, a função de Content and Social Media Manager. Foi nesta fase “que realmente consegui desenvolver-me e criar uma série de campanhas que deram um bocadinho que falar”, conta. Entre elas, está a criação do Instagram da empresa. “Nenhuma marca de bricolage, em Portugal, tinha, ainda, lançado uma conta de Instagram e o AKI, cujas redes sociais eram, na altura, ‘comandadas’ por mim, foi o primeiro”, explica. Para assinalar a ocasião, foi organizado um evento com a apresentadora Olívia Ortiz e a radialista Inês Andrade. “Foi uma tarde em que animámos o Natal de alguns idosos e decorámos o espaço do Centro Social de Sacavém”, conta. Outra das ações criadas foi um passatempo nacional com vista à transformação de um espaço exterior de uma casa, com a presença e escolhas da apresentadora Teresa Guilherme, que resultou numa minissérie online.

Em fevereiro deste ano, Rúben assumiu o cargo de CRM & CEO Analyst, na Foral Phones. O escsiano é o atual responsável por “tudo o que tem a ver com newsletters para o cliente e otimização do site [da empresa], em termos de SEO”. Apesar de, para já, não divulgar do que se trata, o escsiano prepara-se para, brevemente, abraçar uma nova oportunidade na área do social media marketing.

Valor acrescido

Rúben afirma que a sua passagem pela ESCS o ensinou a “ver as coisas como um desafio” e a “pensar e ir sempre um bocadinho mais além”. O escsiano explica que o curso confere não só a teoria necessária “para compreender aquilo que é a base do Marketing e da Publicidade”, como, também, uma vertente prática, através do contacto com “marcas e exemplos reais”, que dão ao curso “um valor acrescido”.

Rúben destaca a componente teórico-prática dos cursos da ESCS.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Por fim, desafiámos Rúben Daniel Baía a responder a uma espécie de Questionário de Proust:

Um objeto essencial para o teu dia-a-dia.
Telemóvel.

Uma cidade ou um país.
Londres.

Uma música ou uma banda.
Martin Garrix.

Um filme ou um realizador.
Psycho, de Alfred Hitchcock.

Um livro ou um escritor.
Stephen King.

Uma série.
The Big Bang Theory.

Uma referência profissional.
Aquilo que é feito no Marketing da Vodafone do Reino Unido.

Quando for grande, quero ser.
Responsável por ter mudado um bocadinho o paradigma, por ter criado alguma coisa de novo.


Conheça aqui mais histórias de perfis de Publicidade e Marketing.