Estudantes de PM assinam campanha da APAV para consignação do IRS

Publicado: 13 novembro 2020

A campanha “Só custa tempo”, com vista à consignação do IRS para a APAV, foi criada por seis estudantes da licenciatura em Publicidade e Marketing.

Ana Faria, Clarisse Dias, Cláudia Fortes, Inês Santos, João Pedro Pereira e Rita Pequeno de Oliveira são os autores da campanha “Só custa tempo”, desenvolvida no âmbito das unidades curriculares de Ateliê de Investigação Aplicado à Publicidade e de Ateliê de Agência, do 3.º ano da licenciatura em Publicidade e Marketing, para a APAV (Associação Portuguesa de Apoio à Vítima). O trabalho, desenvolvido no ano letivo 2018/2019, foi lançado, em março de 2020, com o objetivo de sensibilizar os contribuintes portugueses para a consignação de 0,5% do seu IRS a favor da associação. O grupo viu o projeto difundido nas plataformas online da APAV, em MUPIS e na televisão.


A campanha “Só custa tempo” foi lançada, pela APAV, em março de 2020.

O feedback dos escsianos

Já terminada a licenciatura, os autores do trabalho fazem um balanço da experiência:

Adorámos a dinâmica das disciplinas. O tema da consignação do IRS é desafiante, uma vez que há pouco esclarecimento dos contribuintes, e o cliente APAV também tem uma particularidade difícil, está demasiado associado à violência doméstica, embora tenha muitas mais áreas de atuação.
A experiência de trabalhar um cliente real foi o culminar de três anos de um ensino que se queria tanto prático como teórico e pudemos aplicar as ferramentas que fomos adquirindo. Permitiu ter uma experiência o mais real possível em contexto académico, o que nos preparou melhor para o mercado de trabalho.
Ver a campanha “ganhar vida” na rua e nas redes sociais foi a cereja no topo do bolo. Quando a campanha começou, já tínhamos saído da ESCS e vê-la, ao vivo, levou-nos de volta aos bons momentos que tivemos enquanto a construímos, assim como todo o apoio e paciência que os professores nos deram, pois sem eles não teria sido possível.
Aprender Publicidade, ajudando uma associação como a APAV, foi o cessar de três anos fantásticos, mas o momento mais gratificante foi, sem dúvida, ver a nossa campanha tornar-se na campanha da APAV.