Disciplina

Gestão e Mapeamento de Stakeholders

 

A Gestão e o Mapeamento de Stakeholders ganha importância num quadro de uma distinção entre stakeholders e públicos. Parte-se nesta Unidade Curricular do princípio de que a análise da envolvente deve ser o mais completa e profunda possível. A relação da organização com a envolvente não se deve cingir apenas aos públicos, deve ter em conta também os stakeholders, permitindo assim ao profissional de Relações Públicas agir de forma estratégica e pró-activa. Esta abordagem permitirá a redução dos riscos de problemas e o estabelecimento de relações estáveis com os grupos que podem influenciar ou ser influenciados pela organização.

Através de uma metodologia de ensino participativa pretende-se que os alunos compreendam os conceitos de stakeholders e de públicos, as relações entre os diferentes stakeholders e a organização e a influência dos stakeholders no desempenho organizacional. Procurar-se-á desenvolver capacidades de Estratega que permitam o mapeamento de diferentes envolventes e o desenho e implementação de estratégias de relação com diferentes stakeholders e públicos. Para tal, será fundamental que os estudantes conheçam os conceitos e os diferentes paradigmas de gestão de stakeholders, e aprofundem os conhecimentos e desenvolvam competências de mapeamento, priorização e gestão de relações com stakeholders.

 

PROFESSOR RESPONSÁVEL:

Sandra Pereira

PROFESSOR(ES) QUE LECIONA(M):

Sandra Pereira