Terminou o primeiro piloto do projeto IMAGE

Publicado: 09 agosto 2021

O primeiro piloto do projeto IMAGE culminou com a apresentação das propostas desenvolvidas pelos estudantes de RPCE, ao longo de três meses de trabalho.

O primeiro piloto do pojeto IMAGE contou com a participação de 60 estudantes de RPCE.
Imagem gentilmente cedida pela Prof.ª Ana Maria Silva

A ESCS, representada pelo curso de licenciatura em Relações Públicas e Comunicação Empresarial (RPCE), integra o projeto IMAGE – Researching the City: Mapping Imaginaries, uma parceria estratégica (KA2) do programa Eramus+, que arrancou, oficialmente, em março de 2021, juntando professores, investigadores e estudantes de cinco cidades europeias:  Amesterdão (Países Baixos), Barcelona (Espanha), Lisboa (Portugal), Paris (França) e Viena (Áustria).

Após três meses de trabalho conjunto, o primeiro piloto culminou com a apresentação de propostas de mais de 150 alunos dos países envolvidos no projeto, com o objetivo de promover periferias locais e mapear novos espaços, aliando a investigação do território a estratégias de comunicação. Na ESCS, mais de 60 estudantes do 2.º ano de RPCE responderam ao desafio de projetar novos imaginários em Carnide, tendo a oportunidade de desenvolver um trabalho de investigação e criar propostas de comunicação para promover este território.

A apresentação das propostas, desenvolvidas no âmbito deste primeiro piloto, decorreu num evento conjunto, em que cada grupo de trabalho – composto por elementos dos diferentes países – partilhou a sua visão e soluções concretas, para atribuir novas imagens e imaginários em cada uma das cidades envolvidas.

Tendo como premissa a colaboração internacional, o projeto IMAGE promoveu a partilha e o trabalho conjunto entre estudantes de diferentes instituições de Ensino Superior, visando a identificação de pontos comuns como inspiração e boas práticas para a criação de estratégias e respostas para cada uma das periferias estudadas. É de destacar a diversidade das propostas e a criatividade dos alunos, que conseguiram mapear e construir respostas multidisciplinares com vista à projeção de áreas periféricas, sugerindo novas soluções e instrumentos para promover um olhar renovado sobre estes espaços.

Em outubro, terá início o segundo piloto do projeto. Mantém-se o objetivo de investigar periferias dentro das grandes cidades e centros urbanos, explorando os conceitos de polifonia e policentrismo, e aplicando estratégias multidisciplinares de comunicação.

Mais informações em www.cityimaginaries.com.

TEXTO: gentilmente cedido pela Prof.ª Ana Maria Silva e editado pelo Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS).