Rigor e qualidade

Publicado: 13 maio 2020

Os mestres da ESCS falam sobre a sua experiência académica e as mais-valias dos cursos. Neste artigo, conheça o testemunho de Anabela Saúde, mestre em Gestão Estratégica das Relações Públicas.


As candidaturas ao mestrado em Gestão Estratégica das Relações Públicas, para o ano letivo 2020-2021, decorrem entre 1 de junho e 6 de julho.


Anabela Saúde é mestre em Gestão Estratégica das Relações Públicas.
Fotografia gentilmente cedida por Anabela Saúde

Anabela Saúde é licenciada em Sociologia e pós-graduada em Planeamento e Desenvolvimento Organizacional. Candidatou-se ao mestrado em Gestão Estratégica das Relações Públicas (GERP) num momento de mudança na sua vida profissional. Com uma experiência de sete anos na área da Comunicação, a antiga estudante considerou que o curso da ESCS era o que procurava: “por um lado, a melhoria do meu desempenho profissional, numa relação direta de conteúdos com o mundo do trabalho, e, por outro, uma preparação teórica e uma visão mais profunda sobre todo este deslumbrante e inquietante universo da comunicação”. A escsiana trabalha na Autoridade Nacional de Emergência e Proteção Civil, onde desempenha funções de apoio ao Comando Nacional, no domínio das Relações Públicas (RP).

A antiga estudante conta que o mestrado em GERP a ajudou a compreender melhor “de que forma as RP podem ser entendidas como um ativo estratégico das organizações, num processo de inclusão de todos quantos se relacionam com a sua missão”. Anabela destaca, ainda, o ambiente escolar da ESCS, “muito tranquilo e próximo” na relação entre docentes e estudantes, mas, ao mesmo tempo, “rigoroso na qualidade exigida”. “Para quem não tinha qualquer formação nestas áreas, estes dois anos permitiram a descoberta de um mundo novo de leituras, autores e de contactos que me vão ajudar sempre”, garante.

“O papel dos social media no trabalho das relações públicas nas organizações de defesa, segurança e proteção civil” é o título da sua dissertação de mestrado. O trabalho teve como objetivo conhecer as preocupações dos profissionais de RP de seis serviços (ANEPC, Exército, Força Aérea, GNR, Marinha e PSP), através da realização de entrevistas em profundidade e de uma análise às plataformas digitais. “Procurei compreender como encaram a frenética sociedade da informação de hoje e como se equilibra a necessidade de fazer cumprir e respeitar a lei, a ordem e o exercício da autoridade, com a linguagem mais humanizada dos canais sociais, a conexão permanente, a exigência de abertura e a transparência”, explica.

Anabela considera que os profissionais de RP têm, cada vez mais, “um papel ativo junto das lideranças e direções de topo, influenciando decisões e respondendo a crises e a momentos de maior impacto”. Neste sentido, “a componente criativa, a inovação e a atualização permanente não se podem desligar de uma ideia de clareza, precisão e coerência entre tudo o que fazemos”. Por isso, a escsiana aconselha o mestrado em GERP, por acreditar ser “fundamental para quem já está no mercado de trabalho e procura essa cultura da gestão incorporada nas RP”. Anabela Saúde recebeu o Prémio Anual “Melhor Aluno Finalista”, referente ao ano letivo 2018/2019, por ter obtido uma média final de 17 valores. “Receber essa notícia foi só a cereja em cima do bolo e claro que me dá uma particular satisfação”, confessa.


Conheça, aqui, outros testemunhos de mestres da ESCS.