Criar valor

Publicado: 19 julho 2019

PERFIL PM: HELENA GOUVEIA

Helena Gouveia trabalha há onze anos na IKEA, onde tem vindo a evoluir profissionalmente. Hoje, é Country Marketing Manager da marca sueca em Portugal.

Helena Gouveia é licenciada em Publicidade e Marketing. Entrou para a ESCS “com o sonho de fazer Publicidade”, mas, ao longo do curso, percebeu que “o propósito era outro: o de criar valor nas marcas”. A escsiana começou por trabalhar em Comunicação, na área das Relações Públicas, na Accenture. Depois, integrou a equipa da IKEA Portugal, onde trabalha, atualmente, na sua área de formação, como Country Marketing Manager.

Helena Gouveia é licenciada em Publicidade e Marketing.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Um crescimento natural

Helena entrou na ESCS em 1999. A escsiana lembra, “com muita emoção”, as unidades curriculares mais práticas, nas quais, entre outras coisas, experimentou Rádio e Televisão e realizou anúncios publicitários, aquele que era o seu “sonho inicial”. “Acho incrível aquilo que fazíamos quando comparado com amigos que estavam a frequentar o ensino universitário. Não estavam de todo a ter acesso a este tipo de oportunidade”, conta. Das aulas, destaca, ainda, o “nível de exigência altíssimo”, que lhe deu “as bases” para se tornar na profissional que é hoje.

A escsiana lembra a componente teórico-prática do curso.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Ao longo do curso, fez parte do grupo de Teatro, assistiu a alguns ensaios da escstunis (apesar de nunca ter sido membro) e, confessa, com humor, que participou em muitas festas do caloiro. Mas o que mais recorda são os trabalhos de grupo, nas mesas do piso -1. “Fazíamos imensos trabalhos fora das aulas e essas memórias são intemporais”, refere. Na ESCS, Helena conheceu e trabalhou com pessoas com quem, hoje, colabora diariamente. “Foi bom alicerçar relações que, agora, me ajudam, também, do ponto de vista profissional”, afirma.

Atualmente, Helena trabalha diariamente com antigos colegas da ESCS.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Nada é impossível

A antiga estudante lembra que, há 20 anos, quando terminou o curso, o Ensino Politécnico não era tão bem visto, junto das empresas, como o Universitário, pelo que teve “alguma dificuldade” em encontrar emprego na sua área de formação. Contudo, ao longo do tempo, o estigma dissipou-se. “Hoje em dia, estou no local de decisão e vou sempre preferir alguém que tem uma experiência académica mais diversa”, justifica. A primeira oportunidade na área da Comunicação surgiu em 2006, na Accenture, como Senior Analyst. Helena entrou na consultora para cobrir uma licença de maternidade, de seis meses, e acabou por ficar dois anos. No entanto, sonhava em trabalhar uma marca que vendesse produto e, quando surgiu a possibilidade de integrar a equipa da IKEA, em 2008, não pensou duas vezes.

Helena trabalha na IKEA desde 2008.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

A escsiana entrou na IKEA como Social&Environmental Manager, aquela que considera ser “a função mais bonita de todas”. Durante um ano, foi responsável pela comunicação de sustentabilidade e responsabilidade social. O facto de “haver uma empresa que dedica um recurso para fazer apenas isto [é] extraordinário”, defende. Depois, foi Relações Públicas de produto. Na altura em que o Facebook surgiu, ajudou a lançar a página da marca em Portugal, que, na altura, foi pioneira. “Foi algo que funcionou muito bem e que se tornou num case study para que outros mercados começassem a trabalhar as redes sociais”, conta. Em 2012, surgiu o desafio de mudar para a vertente de Marketing, como responsável pelo programa IKEA FAMILY. “Era um bocadinho diferente da minha área de experiência profissional, mas foi um voltar às competências adquiridas na ESCS”, explica. A evolução dentro da empresa culminou com o cargo de Country Marketing Manager, que desempenha desde 2018. Atualmente, a escsiana colabora em parceria com as equipas de Vendas e de Comunicação, para garantir que estão “todos alinhados e a construir coisas”, o que lhe dá “um prazer gigante”.

Aliar a experiência à teoria

A antiga estudante terminou o curso em 2003.
Fotografia: Gabcom (Serviço de Comunicação da ESCS)

Da ESCS, Helena guarda “um percurso bastante extenso e diferente”, durante o qual fez “imensa coisa (…) até perceber” o que queria. Para tal, contribuiu a componente teórico-prática do curso, o facto de ter disponível “equipamentos técnicos para testar, mesmo fora das aulas”, de as turmas serem pequenas e de ser promovido o trabalho em grupo. “É muito importante que as pessoas saibam trabalhar em conjunto. Um trabalho é completamente enriquecedor e mais bem feito, quando é feito em equipa”, conclui.

Por fim, desafiámos Helena Gouveia a responder a uma espécie de Questionário de Proust:

Um objeto essencial para o teu dia-a-dia.
Todos os meus ténis.

Uma cidade ou um país.
Copenhaga no Inverno e Porto Covo no Verão.

Uma música ou uma banda.
Banda: Muse
Música: Your Song, do Elton John. A minha preferida.

Um filme ou um realizador.
O Fabuloso Destino de Amélie, que eu vi na ESCS. Foi projetado no auditório.

Um livro ou um escritor.
Eckhart Tolle, porque eu tenho um lado muito espiritual.

Uma série.
The Handmaid’s Tail.

Uma referência profissional.
Tenho muitas, mas a que uso mais no meu dia-a-dia é a do fundador do IKEA, Ingvar Kamprad. É ele que, apesar de já ter falecido, nos ajuda a pensar no negócio como ele deve de ser pensado, do ponto de vista humano, prático e orientado para o negócio.

Quando for grande, quero ser.
Quando era pequenina, queria ser bailarina e jornalista. Hoje em dia, quero contar histórias e dançar enquanto as conto.


Conheça aqui mais histórias de perfis de Publicidade e Marketing.