Acesso 2012

Publicado: 14/09/2012

Mais uma vez, a 1ª fase de acesso ao ensino superior mostrou que a ESCS se destaca no panorama nacional, sendo uma das Instituições mais procuradas.

A nível nacional, de um total de 45.078 estudantes que se candidataram à 1ª fase do concurso nacional de acesso ao ensino superior público, foram admitidos 40.415 novos estudantes. Segundo os números da Direção-Geral do Ensino Superior, cerca de 90% dos candidatos ficaram colocados nesta 1ª fase do concurso, sendo que 54% (22.018) entraram na 1ª opção de candidatura.

Balanço da 1ª fase de candidaturas

Este ano, na primeira fase, concorreram aos cursos da ESCS 2.746 candidatos, um resultado positivo em relação ao ano anterior, onde se registaram 2.668 candidaturas. Todos os cursos oferecidos pela ESCS tiveram uma procura muito superior à oferta: quase 10 vezes mais candidatos do que as vagas oferecidas.
O Presidente da ESCS, Prof. Doutor Jorge Veríssimo, mostra-se bastante satisfeito com o número de candidaturas aos cursos da ESCS. “Face a toda esta dinâmica de crise que se assiste e devido à diminuição de candidatos ao ensino superior, constatámos que para os seis cursos que abrimos vagas, aumentámos o número de candidatos relativamente ao ano anterior”.

Instituição de referência no ensino superior da Comunicação

A percentagem de candidatos admitidos que entraram em primeira opção está bastante acima da média nacional (54%). Para o curso de Audiovisual e Multimédia, por exemplo, 75% dos candidatos colocados escolheram a ESCS como primeira opção.
As razões pelas quais os candidatos escolhem a ESCS como primeira opção são, nas palavras do Presidente da ESCS, “o facto de os estudantes e os pais saberem que esta é uma instituição de referência no ensino da Comunicação, a par da excelência dos docentes, da tecnologia e das saídas profissionais. Os candidatos também vão sabendo, pelo networking que estabelecem na escola, que os nossos alunos saem daqui bem preparados, em condições de entrar no mercado de trabalho altamente concorrencial e conseguir colocação nas suas áreas”.