Disciplina

A comunicação intercultural nos contextos internacionais de interação. Os casos do Médio Oriente e do Norte de África

CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EM JORNALISMO SOBRE O MÉDIO ORIENTE E O NORTE DE ÁFRICA

Num mundo onde a mobilidade de pessoas e mercadorias se tem vindo a intensificar a uma escala sem precedentes, provocando a crescente interação entre membros de grupos culturais distintos, a comunicação intercultural tem vindo a despertar cada vez mais interesse nos contextos da política e do comércio internacional, refletindo-se a um tempo na produção noticiosa e na reflexão académica. Por detrás das especificidades comportamentais e culturais visíveis – linguísticas, rituais e materiais – residem e são socializadas representações que, entre si, apresentam uma considerável diversidade de articulação e conciliação, expressas em atitudes e comportamentos preconceituosos.

Neste módulo vamos, num primeiro momento, situar o campo do estudo da comunicação e as propostas conceptuais e metodológicas que o sustentam, articulando conceitos como linguagem, comportamento não verbal, assim como choque cultural, estereótipos e preconceitos para, num segundo momento, analisar situações concretas, situadas (ou que convergem para) os contextos do Próximo Oriente/Norte de África, tendo em vista o desenvolvimento de Competências Interculturais.

1. Emergência e desenvolvimentos da comunicação intercultural
2. O “eu”, o “outro”/o “estranho” e as teses do Orientalismo
3. Mobilidade, migrações e encontro de culturas
4. Identidades locais e regionais
5. Interculturalidade e investigação multi-situada no Jornalismo

 

PROFESSOR RESPONSÁVEL:

A disponibilizar, brevemente.

PROFESSOR(ES) QUE LECIONA(M):

A disponibilizar, brevemente.