Qual é a Tua Marca Pessoal?

Publicado: 17 maio 2013

Teve lugar, no passado dia 9 de maio, no Auditório Vítor Macieira da Escola Superior de Comunicação Social, a conferência Mostra-te. Este foi o primeiro coffee talk sobre Personal Branding realizado pela Associação de Estudantes da ESCS.

Numa altura em que o desemprego não pára de subir, os aspirantes a um posto de trabalho necessitam de adotar medidas que os diferenciem dos restantes candidatos. Foi o que os oradores do primeiro coffee talk sobre Personal Branding vieram transmitir aos alunos da ESCS. Intervenções com dicas extremamente úteis para jovens prestes a ingressarem no mercado de trabalho e para empreendedores que estejam a iniciar um projeto por conta própria. Desde os cuidados a ter com a aparência, passando pela forma como comunicamos com o nosso público-alvo, a relevância dos conteúdos introduzidos nas várias redes sociais, a apresentação de um currículo adequado ao posto de trabalho a que está a concorrer, tudo isto tem importância para o empregador. É esse o objetivo do Personal Branding: ajudar a descobrir, desenvolver e criar a marca pessoal e inspirar as pessoas a ver o que de melhor têm, optimizando a sua presença no mercado de trabalho. Foi este também o objetivo da AEESCS. “Apresentar um programa aos colegas, que os leve a olhar para eles próprios de uma outra forma. Não movidos apenas pela autoconfiança dos seus trabalhos e das suas capacidades, mas também olhando para o digital, para o seu sorriso, para a sua forma de pensar e para a sua apresentação”, disse Rúben Pardal, Presidente da AEESCS.

[Fotografia] Chuva de aviões-de-papel mostra boa interação entre os oradores e a plateia.

“Ser empreendedor é ser proativo”

[Slideshow] MOSTRA-TE

O arranque da conferência foi feito pelos alunos da Escola Superior de Dança, que interpretaram a peça “Peneridade”. A sessão inaugural ficou a cargo do Prof. Doutor Jorge Veríssimo, Presidente da ESCS, do Dr. André Pardal, Adjunto do Secretário de Estado do Desporto e da Juventude, e do Prof. Dr. Vítor Gonçalves, Coordenador do Poliempreende e docente da ESCS. O Prof. Doutor Jorge Veríssimo enalteceu o facto de a AEESCS organizar esta conferência e contribuir para o desenvolvimento das competências dos alunos, num ambiente de ensino e aprendizagem. “São estas iniciativas que contribuem para a perceção da Escola como instituição de referência na área da Comunicação”, referiu o Presidente. O Dr. André Pardal disse que “estas iniciativas demonstram que a ESCS tem a sua imagem bem assente na sociedade civil a nível nacional, em parte, devido ao empreendedorismo da sua comunidade estudantil. Se há áreas onde o empreendedorismo funciona e se fazem coisas boas em Portugal, é na área da Comunicação”, afirmou. O Prof. Dr. Vítor Gonçalves mencionou que “quanto maior for o grau de competências, maior é o leque de oportunidades. Procurem especializações e diversificar o que sabem fazer, de modo a que possam responder e satisfazer as vossas necessidades”, concluiu.

Para marcar é necessário ser criativo

Pelo Auditório Vítor Macieira passaram figuras públicas e especialistas de diversas áreas relacionadas com o Personal Branding. Raquel Strada (apresentadora da SIC Mulher) e Os Burgueses (estilistas) conversaram sobre os cuidados a ter com a aparência, “pois a forma como nos apresentamos aos outros e a confiança em nós próprios é muito importante”. Teresa Calisto (Eu, marca registada) falou sobre marca pessoal e currículos digitais. “Todos temos uma marca, devemos aprender a trabalhá-la consoante os nossos objetivos. Para tal, é necessário conhecermo-nos a fundo”. Alexandre Rodrigues (The Grand Union Portugal) falou da criatividade como fator de sucesso associado ao personal branding. Aconselhou os presentes a utilizarem a criatividade para mostrar que são únicos e a promoverem-se. André Casado (IAMIN) falou sobre Personalidade Digital no Instagram. “Uma imagem vale mais que mil palavras e 90% da informação transmitida para o cérebro é visual. Todos nós projetamos algo sobre nós nos conteúdos que partilhamos online, logo é possível descodificarem a personalidade no Instagram”. De seguida, realizou um workshop sobre a plataforma about.me, que permite agregar toda a informação espalhada pelas diferentes redes sociais na mesma página. Virgínia Coutinho (Fundadora do UploadLisboa) sensibilizou os utilizadores das redes sociais a terem cuidado com a partilha de conteúdos, “porque estamos a eternizar essa informação”. Nunca foi tão fácil saber algo sobre alguém. Hoje em dia, “até os recrutadores pesquisam o perfil dos candidatos nas redes sociais”. E deixou um alerta: “mostrem apenas o que querem que se veja”. Inês Tomás Mateus (Samsung Portugal e docente na ESCS) deu vários exemplos de planos de marketing aplicados a pessoas. Abordou a necessidade de nos conhecermos a nós próprios, “porque não é fácil identificar os nossos pontos fortes e fracos” e que “certas oportunidades somos nós que as criamos, por isso temos de acreditar em nós”. Por fim, teve lugar o debate sobre a importância da personalidade digital, com Inês Tomás Mateus, André Casado e Virgínia Coutinho, moderado por Ana Freita Reis (Progma), onde os intervenientes fizeram um sumário sobre os vários temas abordados durante a conferência e responderam a algumas perguntas da audiência. Durante a conferência houve ainda lugar para duas atuações musicais acústicas com a banda Wandering Kings.